História do Colégio Nossa Senhora das Dores

O Colégio Nossa Senhora das Dores,antigamente, era uma linda chácara com árvores frutíferas, na antiga Rua Morro do S nº 11, hoje, Rua Relíquia, 691.
Embora fosse um negócio de ocasião, as Irmãs não possuíssem o dinheiro necessário e fizeram um cnsd-historiaempréstimo das IENS norte-americanas no valor de US$ 10.000,00. À frente da empreitada estava a Ir. M. Danielis Reichel que, formando comunidade com as Irmãs M. Adelmara (Bárbara) Zimmermann, M. de Fátima Machado e M. Teresa de Jesus Elorza, abriu as portas do Externato Nossa Senhora das Dores, em fevereiro de 1948, para 120 alunos, de ambos os sexos. No primeiro ano de funcionamento, as professoras eram somente Irmãs ou moças que se preparavam para serem irmãs.

Em 1949 foi admitida a primeira professora leiga, Dona Eugênia Anastácia Natali.

Em 1953 foi iniciado o Ginásio já no atual prédio, que ainda estava em construção.

No ano de 1956 fundou-se a Escola Normal destinada à formação de professoras com apenas 16 alunas. Entre elas: Irmã Margarida Martins e Irmã Catharina Gabriel Felippe.

Saiba mais